GENEALOGIA DA FAMÍLIA CASALOTTI NO BRASIL

A História aqui descrita é baseada no relato de pessoas da família e também baseada em documentos como certidões de nascimento, casamento e óbito.

A Família Casalotti no Brasil

Pio Casalotti e Maria Luigia Calligaris eram casados quando chegaram ao Brasil em 1896. Ele nasceu na Itália em local desconhecido por volta de 185O, sobre ela não dispomos de nenhuma informação.  Seus filhos eram: Higyno (ou Iginio no documento de nascimento italiano), Umberto, Geraldo, Josué Theodoro, Batista, Judite e Ida. Pio Casalotti, faleceu em Bueno Brandão, Minas Gerais, no dia 23/06/1921 com 71 anos de idade. Não há outros dados a respeito deles, no cemitério em Bueno Brandão não foram encontradas informações sobre o paradeiro de seus restos mortais.

Consta que Hygino por ser o filho mais velho teria imigrado para o Brasil antes de seus pais, ele contava a seus filhos que era seminarista e teria sido convocado para a guerra contra os Austríacos. Procurando evitar participar do conflito que ocorria na região, resolveu imigrar para o Brasil. Não se sabe exatamente a data em que isto ocorreu, mas calcula-se que foi no ano de 1895, ele teria por volta de 18 anos de idade. Consta que ele embarcou clandestinamente em um navio e durante a viagem foi descoberto pelo capitão da embarcação. Desembarcou no porto de Santos e depois de alguns dias de dificuldades por não falar o português, encontrou um imigrante Italiano já estabelecido no Brasil que o ajudou a seguir para o estado de Minas Gerais para trabalhar na lavoura de Café. Ele nasceu em 12/08/1878 em um lugarejo chamado Castions delle Mura e sua certidão de nascimento está registrada no Comune de Bagnaria Arsia (UD). Casou-se no Brasil com Maria Rosante, também imigrante Italiana e juntos tiveram os seguintes filhos: Lino, Yolanda, Estela (que possui família em Socorro SP), Antonio, Amélia (Melica como apelido) Luiza (Didia como apelido) ela morava em Altonia cidade do Paraná, e seus filhos e netos moram atualmente em Curitiba, Assumpta residente em SP, e Maria residente Bueno Brandão. Hygino Casalotti, faleceu em Bueno Brandão, Minas Gerais no dia 26/04/1954 com 75 anos de idade. No cemitério da cidade de Bueno Brandão, MG, encontra-se o túmulo onde ele e a esposa estão sepultados.

Umberto Casalotti, nasceu em 30/06/1888, em Castions dele Mura e sua certidão de nascimento está registrada no Comune de Bagnaria Arsia (UD). Casou-se com Edwirges Soudane e tiveram seguintes filhos: Orestes Casalotti, Pedro Casalotti, Vitório Casalotti, Maria Casalotti, Therezinha Casalotti e Aurélia Casalotti. Faleceu em Bueno Brandão no dia 26/02/62, com 74 anos.

Geraldo Casalotti, nasceu em 1884 em Castions Delle Mura – Itália. Casou-se com Adélia Burini e tiveram os seguintes filhos: Volveno, José, Sírio e Matilde Casalotti. Faleceu em Bueno Brandão dia 14/12/1960 com 76 anos.

Josué Theodoro Casalotti (Giosue Chiaselotto), nasceu dia 25/08/1893 em Castions delle Mura - Udine – Itália. Chegou ao Brasil com seus pais por volta de 1896 com três anos de idade. Casou-se com Roza Putini em Bueno Brandão, Minas Gerais e tiveram os seguintes filhos: Primo, Judith, Laura, Aparecida, Olívio, Elízio e Dorina. Faleceu em Santo André, SP, no dia 29/06/1980, com 74 anos, sua certidão de nascimento se encontra registrada no Comune di Bagnaria Arsa (UD) Atto N. 77 Parte 1 Anno 1893. Consta que a mudança do Estado de Minas Gerais para São Paulo, decorreu devido às condições difíceis que a família se encontrava, Josué estava doente, ganhava a vida com muita dificuldade. Olívio contava que Primo, ele e Josué estavam trabalhando na terra e em um determinado momento Primo sentou-se sobre a enxada e disse que não suportava mais aquele trabalho e sugeriu tentar a vida em São Paulo. Josué resolveu parar o trabalho por aquele dia e foram para a casa e quando chegaram lá com a família reunida decidiram que se preparariam para mudar de Minas Gerais para São Paulo. De fato não se sabe exatamente quanto tempo se passou até que toda a família tivesse mudado para Santo André, SP.  Primeiramente, Primo, instalou-se em uma pensão no bairro do Parque das Nações em Santo André, em seguida, Judith, Laura e Aparecida, Olívio e por fim Dorina que deveria ter por volta de 4 anos juntamente com Elízio, Josué e Roza. Em Santo André, Josué se tratou da enfermidade, trabalhava como jardineiro.

Batista Casalotti, nasceu provavelmente na Itália, casou-se com Conceição Fausta e tiveram os seguintes filhos:José, Angelo, David,Pio e Terezinha Casalotti. Faleceu em São Paulo.

Consta que Pio e Luiza também tinham filhas, eram elas: Ida, Judite e Gertrudes, Ida casouse com Fortunato Gamba e tiveram os filhos, Demétrious, Antonio, Severino, José,  Angelina, Deolinda, Deverina e Elzilia. Judite casou-se com Juanim Fávero e tiveram os filhos, Irene, Helena, Fávio e Sylvio. Gertrudes casou-se com  Silvio Bandore  e tiveram os filhos,  Virginia, Helena,  Frank,  Valdomiro e Paulino

Apesar de não possuirmos nenhum documento comprobatório, consta que estes imigrantes tenham entrado pelo porto de Santos-SP. Estabeleceram-se em Bueno Brandão no bairro montanhoso de Furnas, onde muitos descentes de Umberto Casalotti vivem até hoje. 

Pessoas que colaboraram com informações:

Olívio Casalotti meu pai, Olga Zambetti minha mãe, Luiz Carlos, Sônia Maria, Elaine Cristina, meus Irmãos. 

Marco Aurélio de Thomazzo, filho de Dorina Casalotti

Maria José e Antonio Casalotti, filhos de Orestes Casalotti.

Flavio e Paolo Chiaselotti, amigos Italianos que colaboraram a delinear a região de onde teriam saído nossos avós. Conseguiu a certidão de nascimento de Josué.

Maria Goretti Casalotti Ferreira, nos forneceu fotografias de Higino e Maria Rosante

Assumpta Casalotti, forneceu informações sobre seu pai Higino.

Magali Vieira, filha de Assumpta, visitou as cidades na Itália onde nossos avós viveram e encontrou o Comune onde encontra-se registros de nascimento. Conseguindo os documentos de nascimento de Higino e Umberto.

Algumas curiosidades

Grafia do nome

A correta grafia para o sobrenome Casalotti  gera algumas dúvidas, com a cópia dos originais Italianos tivemos a oportunidade de encontrar Higino com sobrenome grafado como Chiaselotti,  Humberto com sobrenome grafado Casalotti e Giosue grafado como Chiaselotto. Há documentos no Brasil grafados como Chiaselotto, Chiaselloto, Cazalotti, Casaloti, Cassalotti, porém, a maioria dos documentos está grafada como Casalotti.

Acreditamos que no Brazil todos as pessoas com estes sobrenomes são descendentes de Pio e Luiza.

Origem do nome de família

Em contato com Paolo e Flavio Chiaselotti na Itália informaram que o sobrenome Chiaselotti tem origem na região de Friuli em uma pequena cidade chamada Visco próximo a Gorizia, província de Udine. Esta localidade pertencia a Austria até 1918. 

Algumas palavras de Flavio Chiaselotti: 

"....the origin of our family is in Friuli in an small town called Visco near Gorizia. I was there but the documents related to birth of people before last century (1900) were lost during the First World War. You must consider that Visco was under Austria until 1918." ( Fri, 15 Oct 2004 16:28:44 +0200 (CEST)). 

De fato quando se olha no mapa, Palmanova, Visco e Castions della Mure ficam muito próximas. A Sra. Assumpta Casalotti, filha de Higino conta que seu pai falava o dialeto Friuliano o qual ela também sabia falar.

Há varias pessoas fora da Itália que possuem o nome de família Casalotti/Chiaselotti, Estados Unidos, Argentina, Inglaterra, porém, não há relação deles a primeira vista com imigrantes que chagaram ao Brasil. 

Filhos de Higino

Lino , Yolanda, Estela (que possui familia em Socorro SP) , Antonio , Amélia (Melica como apelido) Luiza (Didia como apelido) ela morava em Altonia cidade do Paraná, e seus filhos e netos moram atualmente em Curitiba, Assumpta residente em SP, e Maria residente Bueno Brandão.

________________________________________________________________________

Filhos de Antônio Casalotti

Maria Goretti Casalotti Fereira

________________________________________________________________________

Filhos de Orestes Casalotti e Terezinha Tibúrcio Casalotti

Maria José Casalotti, Irene Casalotti Rufino, Geni Casalotti Cezar, Aparecida Olívia Casalotti Ferraz, Benedita Casalotti Bueno, Antonio Benedito Casalotti,  João Batista Casalotti, Francisco Roberto Casalotti, Rita da Penha Casalotti Costa, Dirce Casalotti Fernandes, José Geraldo Casalotti. Consta que três filhos faleceram recém nascidos ( Angelina, José Pedro e Imaculada)

________________________________________________________________________

Filhos de Primo Casalotti e Tereza Lugli Casalotti

Edno Casalotti e Moacir Casalotti

________________________________________________________________________

Qualquer informação, por favor enviar para wilsicasa@gmail.com

Informo que possuo uma arvore Genealógica da família Casalotti com os todos os nomes que levantei até o momento e poderei enviar para os familiares desde que solicitados via e-mail. 

Atualizado em 07/10/2018

SÓ JESUS SALVA!

A Família Casalotti no Brasil